quinta-feira, 1 de julho de 2010

"Porque, quando sou fraco, então, é que sou forte.” (Cor 12:10)




Tô tão cansada...


Acho que cheguei no meu limite.


Sinto que estamos vencendo essa guerra mas cada batalha tem sido muito desgastante, então chega uma hora em que a gente precisa de mais força. Me sinto assim. Estafada, chorosa, estressada, indisposta, com gastrite emocional, dores na vesícula, com medo de um monte de coisas, preocupada o tempo inteiro, esquecendo a sensação de estar feliz.


Tô com saudade do meu filhinho. Queria que ele estivesse aqui comigo agora.




...






8 comentários:

luana.jordao disse...

Paciência Deus está te dando força para conseguir vencer tudo que está acontecendo...Beijinhos e Abraços apertados

Paulinha disse...

Aah, meu anjo...
Como dói saber q vc se sente assim...
é claro q não tem como ser forte ou se mostrar forte o tempo todo...
Mas nunca duvide q Deus está ao seu lado... caminhando e te segurando no colo qdo preciso... isso td logo logo vai passar... e daqui a pouco, além de estar tranqüila com seu Bebê nos braços, vc vai enxergar com clareza todo o ensinamento desse momento, dessa luta... Deus sabe de tudo. E está fortalecendo seu coração a cada segundo, mesmo q vc se sinta fraca... aí é qdo vc está mais forte, pois Ele está com vc sempree!!!
Um beijo no seu coração...

Rosana :) disse...

"Mesmo na santa dor
Tu me sustentas"..
Minha linda,
vc tem todo o direito de "sofrer" as demoras de Deus.. só não esqueça que "Ele não vai te desamparar"! Fique firme (mesmo em frangalhos) pois o melhor de Deus ainda está por vir!!!
Rezandoo.. sempre!
(Sua dor é minha também.. e de tanta gente.. compartilhe.. aceite ajuda, colo, tudo o que Deus manda, sutilmente, todos os dias pra te fortalecer..)
Estamos juntas!!
...
"Tua palavra é luz
Para meus pés, Jesus
Mesmo na santa dor
Tu me sustentas
Em teu olhar, eu sei
Há um lugar pra mim
Ao teu fiel amor
Me consagrei
Contemplar
Teu olhar
Me render, oh Deus
Ao teu querer
Quando me falta amor
Vejo tua cruz, Senhor
Sei que há mais em mim
Que eu posso dar
Nas asas do perdão
Te dou meu coração
Sempre me amarás
Descanso em tua paz"

A Arte Dos Livres Pensadores disse...

Parabéns por tudo o que você é!
Também sou compositora, mãe, avó, amiga, mulher, humana.
A vida é a nossa maior dádiva...e o amor...o nosso alimento!

Beijos sinceros!
Nirma Regina

Elaine, Inácio e Analice disse...

Paciência, vc vai conseguir...não esmoreça..sei que é difícil...pois, a vida foi muito dura comigo neste ano... em 3 meses perdi minha filha e meu pai. E,ontem descobri que estou grávida novamente...a VIDA remasceu, Deus me deu a oportunidade de renovar minhas esperanças...com certeza vc está nos braços e Maria...vc vai renovar suas energias e seu bebezinho vai ficar bom...vai para casa com saúde, confie em DEUS. Um grande abraço e beijos em seu coração

Elaine

p.s- tentei te add no orkut e não consegui pedia seu email.

Maria do Carmo disse...

Rezo por ti e peço a virgem Maria que a proteja em todas horas...a vi com o maior barrigão na igreja de São João Batista em Campo Grande Missa da Familia...não podia imaginar que tudo fosse desse jeito!!!Nunca esqueça do Amor e da proteção de Deus, tenho certeza que neste momento Ele a carrega no colo e seca suas lagrimas. Um grande beijo da amiga em Cristo Maria do Carmo.

Ana Paula disse...

Sim, você é forte! Eu não sei qual é a receita mas, Deus dá à todas as mães um ingrediente especial: força! É incrível a capacidade que temos de sermos fortes enquanto tudo parece desmoronar...
Hoe parei para ler seu blog, e não posso negar que estou chorando, sou mãe, e consigo imaginar o que tá passando em você inteira. Acredito que, cada vez que você sai do hospital e deixa o Pedro lá é como se a tivessem mutilado. Um filho é parte da gente, não tem como dizer o contrário... mas, minha amiga, continue assim, você está a mãe perfeita, a melhor mãe que ele poderia ter, acima de você só Nossa Senhora e como ela é mãe de todos nós, o Pedro tem duas mães cuidando dele e, quando você não está lá, é ela que o segura nos braços, é ela que o nina e canta pra ele. Ela vai protegê-lo e Deus sabe o momento certo para tudo. O tempo de Deus, não é o nosso. MAs, quando Ele achar que está na hora do nosso menino ir pra casa é só marcar o churrascão! rsrsrs.
Um beijo, minha linda. Que Deus continue te abençoando e que a Mãezinha te ajude, cada vez mais, a permacer de pé.
Amo você!

Ana Paula disse...

Sim, você é forte! Eu não sei qual é a receita mas, Deus dá à todas as mães um ingrediente especial: força! É incrível a capacidade que temos de sermos fortes enquanto tudo parece desmoronar...
Hoe parei para ler seu blog, e não posso negar que estou chorando, sou mãe, e consigo imaginar o que tá passando em você inteira. Acredito que, cada vez que você sai do hospital e deixa o Pedro lá é como se a tivessem mutilado. Um filho é parte da gente, não tem como dizer o contrário... mas, minha amiga, continue assim, você está a mãe perfeita, a melhor mãe que ele poderia ter, acima de você só Nossa Senhora e como ela é mãe de todos nós, o Pedro tem duas mães cuidando dele e, quando você não está lá, é ela que o segura nos braços, é ela que o nina e canta pra ele. Ela vai protegê-lo e Deus sabe o momento certo para tudo. O tempo de Deus, não é o nosso. MAs, quando Ele achar que está na hora do nosso menino ir pra casa é só marcar o churrascão! rsrsrs.
Um beijo, minha linda. Que Deus continue te abençoando e que a Mãezinha te ajude, cada vez mais, a permacer de pé.
Amo você!